Fique Rico investindo em Jogadores de Futebol

Nos últimos anos, o futebol se transformou em um dos mais rentáveis negócios. Com o fim da lei do passe, os jogadores deixaram então de ser propriedades dos clubes e ganharam a liberdade para negociar seus direitos econômicos. Levando este conceito para o mercado financeiro e para a bolsa de valores, é como se agora eles tivessem virado "ativos que se valorizam e depreciam conforme a alta e a baixa do mercado".

neymar-talento

Só para ter uma pequena ideia do grande negócio que é investir em jovens jogadores de futebol, lembremos o seguinte: em 2007, o zagueiro Breno do São Paulo, então com 18 anos, foi negociado para o Bayern de Munique por cerca de R$ 33 milhões (U$ 18 milhões). Seu custo inicial para o clube tinha sido de apenas R$ 300 mil. Outro jovem zagueiro, Henrique, que jogou seis meses no Palmeiras, tinha sido comprado por R$ 6 milhões e foi vendido depois por R$ 21 milhões para o Barcelona.

Melhor dizendo: para quem quer ter altos ganhos e pode correr risco, os jovens jogadores de futebol são a bola da vez no mercado. Mas, porque isto? Primeiro, porque eles são jovens, com anos de vida e muitos anos de futebol pela frente, são talentosos, custam barato, e há a possibilidade de, no futuro, virar um ídolo do esporte.


Qualquer investidor, seja pessoa física ou jurídica, querendo, pode procurar um clube de futebol e comprar parte dos direitos econômicos e de imagem de um atleta. Ou seja: qualquer investidor com uma boa grana pode investir em jogadores. Essas transações são reguladas por contratos particulares, geralmente com prazos, valores e garantias, para o atleta e a família dele.

Se a "jovem promessa" brilhar nos campos nacionais e for convidado para jogar na Europa ou no Japão por exemplo, o investidor ganha uma boa fatia na venda, pois os direitos econômicos dos atletas podem chegar ao valor de até a um milhão de euros. E se o jogador tiver sucesso na carreira, melhor ainda, o investidor pode ganhar até 10 ou 15 vezes o que aplicou.

Porém, se você é investidor, ou se empolgou com a notícia, e decidiu investir agora em jogadores de futebol saiba que, para se dar bem nesse negócio, existem algumas recomendações básicas. Veja aí abaixo:

  Invista somente em jogadores, a partir de 13 anos de idade.
  Mantenha olheiros espalhados por esses campos de várzea pelo Brasil afora (a ideia aqui é tentar encontrar um novo Ganso ou um futuro Neymar).
  Após encontrar "o promissor talento" tente encaixá-lo nos grandes clubes nacionais.
  Na hora de fazer os contratos, auxilie-se com um bom advogado.
  E, por último, siga sempre aquela dica óbvia do Mercado Financeiro em qualquer negócio: "nunca se apegue emocionalmente ao seu "investimento".

Então é isso. Boa sorte.

Fonte das dicas: IstoÉ

6 Comentários:

Valdeir Almeida disse...

Interessante!

Sou leigo em assuntos relativos a futebol e a investimentos financeiros. Por isso mesmo, Neto, eu não investiria, pelo desconhecimento e pelo medo de o jogador ("produto humano") se auto-depreciar no auge da carreira, o que me traria prejuízo.

Abraços.

HelenoC disse...

Tinha lido um trecho dessa matéria na IstoÉ, mas não tinha me aprofundado. Realmente, parece ser um ótimo negócio investir em jogadores da base, desde, é claro, que sejam brilhantes e talentosos.

Eli Guimarães disse...

Oiiiii! tem mais um post teu gerando buzz lá no face...

Como éque a gente faz pra insvestir no neymar???? bjos

Anônimo disse...

Tenho um sobrinho de 14 anos e sei que ele é um craque de boa.Eu preciso da ajuda de alguém para ve-lo jogar.Ele mora em cidade simples no sul do BRASIL chamada Imaruí-sc.
Ele é canhoto,opta pela lateral esquerda e segunda opção de meia esquerda.Ele não precisa ser testado e sim apreciado.
estou a disposição no e-mail
edinei_039@hotmail.com

Anônimo disse...

alguem tem algum modelo de documento pra ter o passe de um jovem jogador,preciso pra ter o passe de meu sobrinho que joga muito, se alguem tiver me mande por favor, meu email é gublack2010@hotmail.com.

EDSON disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário

- Comente, é sempre bom saber sua opinião.
- Comentários ofensivos ou mal educados não serão publicados.
- Comentários anônimos serão publicados se relevantes.
- Para criticar, sugerir ou elogiar, vá aqui.