Ganhe dinheiro com o Tesouro Direto

Com a intenção de popularizar ainda mais a bolsa de valores para os investidores pessoas físicas, e de olho no avanço da classe C no país, a Bovespa, que já contava com os programas "A Bovespa vai até você' e o 'Mulheres em Ação' criou, juntamente com a Secretaria do Tesouro Nacional, o simulador do Tesouro Direto. A nova ferramenta online informa, de maneira clara e didática, as principais diferenças entre os títulos públicos para o investidor.

tesouro-direto

Se você é um daqueles (ou uma) que não investe seu dinheiro porque tem dificuldades em entender o significado dessas letras, suas dúvidas acabaram. Acesse o site, cadastre-se nele, e veja você mesmo como é ótimo investir em títulos do governo federal, seja pensando em sua própria aposentadoria, ou mesmo em qualquer outra oportunidade que planeje para o longo prazo.

Eu que já invisto no Tesouro há bastante tempo, garanto-lhe que não tem bicho nenhum. Dá para ganhar dinheiro e é fácil fácil! ;-)

7 Comentários:

Daniel Savio disse...

Cara, mas será qe vale a pena investir em títulos do governo frente a outras opções de investimento?

Por exemplo o mercado de ações de empresas privadas...

Fique com Deus, menino Neto.
Um abraço.

Daniel Moraes disse...

Eu ainda prefiro a Poupança, ainda é mais seguro. Tem texto novo no Sub Mundo. Um abraço.

http://submundosemmim.blogspot.com

Neto disse...

@Daniel Savio e @Daniel

Muito boa as observações de ambos, concordo. Eu também aplico em ações de empresas privadas e, digamos assim, esta é minha praia principal :)

Mas vejam só (para entender um pouco melhor o assunto): Aplicar no TesouroDireto é tão seguro quanto aplicar na poupança pois é emprestar ao governo para o longo prazo. O investidor recebe títulos pré ou pós-fixados. E a vantagem é que o investidor pode aplicar em títulos com prazos diferentes (o que todas as empresas e bancos fazem), programando seus recebimentos para daqui a 10, 20, 25, 35 anos ou mais com rendimentos de até 6% sobre a inflação. Trata-se então de transferir as altas taxas de juros do presente de um Brasil menos desenvolvido para um Brasil futuro, mais estável (espera-se) e com juros menores.

Melhor dizendo, é apostar no nosso país pensando no futuro com qualquer que seja o governo.

Obrigado pela presença de ambos aqui :-)

Irene disse...

olá, Neto !

Confesso que não entendo, absolutamente, nada de bolsa de valores. Fico perdidinha naquela movimentação intensa da bolsa. Mas, gostei das informações deste post.

abraços !!!

Isolda Herculano disse...

Neto, fique a vontade para republicar os textos do meu blog.

Beijos.
Isolda.

Paulo disse...

Neto,

Pelo que vc explicou, este é um investimento a longo prazo e infelizmente, nao tenho essa disponibilidade, rsrs.

abs

Adelson (Gerenciando Blog) disse...

Olá, Neto!

Eu já investi em todo tipo de fundos, no Tesouro Direto, diretamente em ações etc. Ou seja: já tentei de tudo um pouco.

Hoje, invisto somente em fundos, tanto de ações quanto de renda fixa. Abandonei o Tesouro Direto porque a rentabilidade era muito próxima do que eu conseguia com o fundo de renda fixa, tendo o fundo a vantagem de uma liquidez maior, por poder resgatar a qualquer dia.

De qualquer forma, é uma alternativa que vale a pena ser conhecida.

Um abraço!

Postar um comentário

- Comente, é sempre bom saber sua opinião.
- Comentários ofensivos ou mal educados não serão publicados.
- Comentários anônimos serão publicados se relevantes.
- Para criticar, sugerir ou elogiar, vá aqui.